O que você procura na cidade?

Secretaria de Saúde confirma primeira morte por febre amarela em Belo Horizonte neste ano

16 de Janeiro de 2018


O vírus da febre amarela fez a primeira vítima em Belo Horizonte em 2018. A informação foi divulgada na tarde desta terça-feira pela prefeitura, que, em nota, explicou se tratar de um homem de 53 anos morador da Região do Barreiro. Conforme a administração municipal, a transmissão da doença ocorreu em um sítio de uma cidade (não informada) da Região Metropolitana.

O homem estava internado no Hospital Julia Kubitschek e morreu no dia 11 de janeiro. Ele estava sem registro de vacina contra a febre amarela e tinha baixa imunidade.

A Secretaria Municipal de Saúde afirmou ter recebido a notificação de suspeita da doença no dia 10 e realizou vistorias em 520 imóveis próximos a onde morava a vítima para a retirada de focos do mosquito Aedes aegypti.

A prefeitura ressalta a importância da vacinação contra a febre amarela, principalmente para quem vai viajar para sítios, chácaras e regiões de matas silvestres. A imunização deve ser feita dez dias antes da viagem. As doses estão disponíveis nos 152 centros de saúde de BH, que abrirão neste sábado (20) de 8h às 17h. Uma única dose é suficiente para toda a vida.

Minas

O estado registra, agora, 13 casos e 12 mortes pela doença desde o fim do ano passado. Já foram registrados óbitos em BH (1), Brumadinho (1), Mariana (2), Nova Lima (4), Carmo da Mata (1), Mar de Espanha (1), Goianá (1) e Barra Longa (1).

Com informações Rádio Itatiaia

OuroBranco.Online

anuncie | contato | expediente

24h


ONLINE

X

Anuncie no maior portal da região:



TM2 & © Ouro Branco Online . Todos os direitos reservados